Grupo quebra carros, ataca comerciantes e faz disparos em avenida de Vitória

Por Karla Dias

G7 Press – São Paulo 14/02/2020 | 15h14

Um grupo de pessoas levou horror na manhã desta sexta-feira, 14, a uma das avenidas mais movimentadas de Vitória, no Espírito Santo.
O pessoal apedrejou ônibus e carros, atacou pessoas que passavam pela via pública e ainda atingiu estabelecimentos comerciais com tiros.

A polícia esteve no local e reforçou a segurança.
7 pessoas já foram presas acusadas de participar do movimento, mas a polícia acredita que mais gente esteja foragida.
Todos são moradores de um complexo de favelas chamado Penha.
E poderiam estar agindo em represália a operações da polícia ao longo de toda essa semana.

Na madrugada desta sexta, um adolescente de 17 anos foi baleado durante uma troca de tiros com a PM e morreu.
Foi o estopim para que os moradores respondessem com os ataques recentes.

O governador do estado e o Secretário de Segurança Pública, em discursos alinhados deram o tom.
E informaram que a polícia não vai recuar. Se houver mais ataques das organizações criminosas, os policiais vão para cima com ainda mais força.
Agora a política de enfrentamento ao crime organizado é outra, com tolerância zero.
A exemplo do que já acontece em São Paulo e no Rio de Janeiro, e a exemplo de um pouco do que está sendo levado a nível nacional, com Sérgio Moro.

Encontrou algum erro? Quer fazer alguma crítica ou sugestão? escreva para jornalismo@g7press.com.br

Anúncio – Os produtos que podem mudar sua vida